Quarta-feira, 2 de Julho de 2014

EVOLUÇÃO DOS COMPUTADORES

 

Primeira Geração

O início da construção do ENIAC, em 1942, marca o aparecimento da primeira geração de equipamentos e a utilização de válvulas electrónicas. As suas principais características: eram grandes (gigantescos até), manutenção muito complicada, exigiam ambiente refrigerado, muito lentos, faziam apenas uma tarefa de cada vez, exigiam técnicos altamente treinados para os operar, os dispositivos de entrada e saída eram primitivos, a sua programação era feita em linguagem de máquina.

O IBM 650, marca o fim da primeira geração, que chegou à incrível marca de vendas de 1.000 unidades.

Segunda Geração

A segunda geração de computadores utilizava transístores e outros dispositivos semicondutores sólidos ligados a painéis de circuitos nos computadores. Os circuitos transistorizados eram menores e mais confiáveis, geravam pouco calor, eram mais baratos e exigiam menos energia eléctrica que as válvulas electrónicas.

Terceira Geração

Se o salto da válvula para o transístor foi significativo para a evolução da informática, o do transístor para o circuito integrado foi vital, pois só após esta nova tecnologia é que realmente a informática se popularizou e desenvolveu da forma que conhecemos hoje.

Com o advento dos circuitos integrados, surgiu a terceira geração (1965), que é marcada pelo lançamento sensacionalista que a IBM fez de sua linha 360, a qual apresentava pela primeira vez vários modelos para que o comprador pudesse escolher segundo as suas necessidades, e não de acordo com a vontade da indústria.

O CI (circuito integrado) permitiu que as máquinas fossem tão reduzidas em termos de peso e tamanho que isto não mais significava barreiras para a sua utilização. O seu consumo de energia eléctrica passou então a ser insignificante.

Foi graças a estas inovações, por exemplo, que hoje temos os computadores portáteis e de bolso.

Quarta Geração

Se até aqui a fronteira entre uma geração e outra é muito nítida e bem definida, agora já não o é mais. Senão vejamos: enquanto nas anteriores as mudanças eram físicas, com mudanças na arquitectura electrónica dos computadores, agora é uma questão de evolução de um mesmo componente: o chip.

Quinta Geração 

Estamos nos primórdios desta nova geração e as coisas estão evoluindo de tal forma que fica difícil definirmos a época que estamos vivendo. Com o nascimento da quinta geração o homem preocupou - se ao mesmo tempo em simplificar e miniaturizar o computador e também em obter recursos ilimitados com o mesmo. Os computadores de quinta geração tem como características principais: componentes com altíssima escala de integração e velocidade de processamento, inteligência artificial, etc.



 

 

 

 

 

 

publicado por luzdequeijas às 17:32
link | comentar | favorito

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. O CONCEITO DE SERVIÇO PÚB...

. MUDAR SÓ POR MUDAR.

. CENTRO DE DIA DE QUEIJAS

. ALMOÇO MUITO INDIGESTO

. FUMO BRANCO E NEGRO

. ENDIVIDAMENTO PÚBLICO E P...

. A POLÍTICA COR-DE -ROSA

. OS QUATRO IMPÉRIOS

. O ASSOCIATIVISMO

. DOUTOR DA MULA RUÇA

. A CLASSE MAIS CASTIGADA

. AS VITIMAS DA CIGARRA

. O NOSSO ENTARDECER

. A SACRALIDADE DA PESSOA H...

. SABER TUDO ACERCA DE NADA

. A NOSSA FORCA

. A MORTE ECONÓMICA

. GERAÇÃO DE OURO

. OS TEMPOS ESTÃO A MUDAR

. SEDES DE RENOVAÇÂO “

. 200 000

. DO PÂNTANO A SÓCRATES

. O ESTADO PATRÃO

. A MENTIRA

. O SILÊNCIO DOS BONS

. ARMAR AO PINGARELHO

. ENSINO À DISTÂNCIA

. A CIÊNCIA DO BEIJO

. A VERDADE PODE SER DOLORO...

. COSTA V.S MERKEL

. PROTEGER O FUTURO

. RIQUEZA LINCUÍSTICA

. A MÃO NO SACO

. DOUTRINA SOCIAL CRISTÃ

. GRANDE SOFRIMENTO

. IMAGINEM

. LIBERDADE COM SEGURANÇA

. COSTA CANDIDATO

. DEBATES PARTIDÁRIOS NA TV

. NA PÁTRIA DO ÓDIO

. PORTUGAL, UM PAÍS DO ABSU...

. NÓS, NÃO “PODEMOS”

. CIVILIZAÇÃO Pré-histórica...

. AS REGRAS DA VIDA REAL

. UMA SAUDÁVEL "LOUCURA"

. UMA SOCIEDADE SEM "EXTRAV...

. O MUNDO DOS ANIMAIS

. A CRISE NO OCIDENTE

. O POVOADO PRÉ-HISTÓRICO D...

. AS INTRIGAS NO BURGO (Vil...

.arquivos

. Fevereiro 2018

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.favorito

. COSTA V.S MERKEL

. MANHOSICES COM POLVO, POT...

. " Tragédia Indescritível"

. Sejamos Gratos

. OS NOSSOS IDOSOS

. CRISTO NO SOFRIMENTO

. NOTA PRÉVIA DE UM LIVRO Q...

. SEMPRE A PIOR

. MEDINDO RIQUEZAS

. A LÁGRIMA FÁCIL

.mais sobre mim

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub