Quarta-feira, 27 de Maio de 2009

AUMENTAR IMPOSTOS

Depois da crise vêm os impostos

Um dia vamos sair desta recessão. Quando, eis a primeira questão. Mas bem mais importante é como. Quando o mundo começar a recuperar, em que situação estará Portugal? Pronto a acompanhar os outros? A andar mais depressa ? Ou continuará a atrasar-se ?

Olhando para os números desde 1974, vê-se que Portugal cresceu sempre acima da média europeia em todas as décadas, com excepção da actual, iniciada em 2000. E o problema é que; 1) as causas que deram origem a este fraco desempenho não estão resolvidas; 2) a crise internacional contribuiu para degradar muito significativamente o défice orçamental (6,5% este ano e 6,7% para para o próximo, segundo o FMI). Além disso, como aqui se referiu na semana passada, citando um artigo do ex-ministro das Finanças Eduardo Catroga, o endividamento externo do país passou de 10% do PIB em 1995 para 60% em 2004 e 100% em 2008. E todos sabemos que as famílias e as empresas também estão altamente endividadas. O que é que isto significa ? Em primeiro lugar, como o comprova a observação histórica, a recuperação em Portugal seguirá a retoma na Europa com um desfazamento mínimo de seis meses; em segundo, essa fase será caracterizada por um aumento das taxas de juro, o que levará a um ónus adicional sobre o Estado, as empresas e as famílias; em terceiro, esse período será caracterizado pelas exigências de Bruxelas para que os países voltem a cumprir num prazo razoável o Pacto de Estabilidade e Crescimento, ou seja, uma dívida inferior a 60% do PIB e um défice orçamental abaixo dos 3%.

Decorre daqui que dentro de dois anos poderemos encontrar-nos na seguinte situação: um crescimento abaixo da média europeia; empresas e famílias mais hipotecadas; e um Governo pressionado a repor dentro dos limites exigidos os grandes indicadores macroeconómicos. será o pior dos três mundos.

Ora os sinais que começam a chegar de vários

países europeus são inquietantes para os cidadãos, a braços com o desemprego e quebras do nível de vida: Irlanda, Reino Unido, Letónia, Lituânia, Hungria, Roménia e Polónia já subiram diversos impostos sobre o consumo e redimento.

Chegados aqui dirá o leitor: safa ! Era só o que faltava que, depois do que estamos a passar, ainda nos aumentassem os impostos ! Sobre isso, todos estamos de acordo. O problema é que para resolvermos as questões da dívida pública e do défice orçamental não há muitas vias: ou aumentamos muito a riqueza que criamos ou reduzimos substancialmente o nível das nossa despesas, o que, por outras palavras, significa empobrecer. Também se pode cortar no investimento público - os grandes projectos, sobretudo, devem ser abandonados uns, adiados outros - mas isso significa comprometer o futuro. Ficam, portanto, duas vias: emagrecer o Estado drasticamente, adequando-o aos desafios do século XXI; ou aumentar impostos. Como a primeira via demora tempo e exige muita determinação e disposição para enfrentar grandes combates políticos e sociais, imaginem porque caminho vai optar o Governo saído das próximas eleições legislativas ....

Expresso  16-05-2009  

publicado por luzdequeijas às 21:56
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. O CONCEITO DE SERVIÇO PÚB...

. MUDAR SÓ POR MUDAR.

. CENTRO DE DIA DE QUEIJAS

. ALMOÇO MUITO INDIGESTO

. FUMO BRANCO E NEGRO

. ENDIVIDAMENTO PÚBLICO E P...

. A POLÍTICA COR-DE -ROSA

. OS QUATRO IMPÉRIOS

. O ASSOCIATIVISMO

. DOUTOR DA MULA RUÇA

. A CLASSE MAIS CASTIGADA

. AS VITIMAS DA CIGARRA

. O NOSSO ENTARDECER

. A SACRALIDADE DA PESSOA H...

. SABER TUDO ACERCA DE NADA

. A NOSSA FORCA

. A MORTE ECONÓMICA

. GERAÇÃO DE OURO

. OS TEMPOS ESTÃO A MUDAR

. SEDES DE RENOVAÇÂO “

. 200 000

. DO PÂNTANO A SÓCRATES

. O ESTADO PATRÃO

. A MENTIRA

. O SILÊNCIO DOS BONS

. ARMAR AO PINGARELHO

. ENSINO À DISTÂNCIA

. A CIÊNCIA DO BEIJO

. A VERDADE PODE SER DOLORO...

. COSTA V.S MERKEL

. PROTEGER O FUTURO

. RIQUEZA LINCUÍSTICA

. A MÃO NO SACO

. DOUTRINA SOCIAL CRISTÃ

. GRANDE SOFRIMENTO

. IMAGINEM

. LIBERDADE COM SEGURANÇA

. COSTA CANDIDATO

. DEBATES PARTIDÁRIOS NA TV

. NA PÁTRIA DO ÓDIO

. PORTUGAL, UM PAÍS DO ABSU...

. NÓS, NÃO “PODEMOS”

. CIVILIZAÇÃO Pré-histórica...

. AS REGRAS DA VIDA REAL

. UMA SAUDÁVEL "LOUCURA"

. UMA SOCIEDADE SEM "EXTRAV...

. O MUNDO DOS ANIMAIS

. A CRISE NO OCIDENTE

. O POVOADO PRÉ-HISTÓRICO D...

. AS INTRIGAS NO BURGO (Vil...

.arquivos

. Fevereiro 2018

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.favorito

. COSTA V.S MERKEL

. MANHOSICES COM POLVO, POT...

. " Tragédia Indescritível"

. Sejamos Gratos

. OS NOSSOS IDOSOS

. CRISTO NO SOFRIMENTO

. NOTA PRÉVIA DE UM LIVRO Q...

. SEMPRE A PIOR

. MEDINDO RIQUEZAS

. A LÁGRIMA FÁCIL

.mais sobre mim

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub