Quarta-feira, 20 de Maio de 2009

CALOTES À BANCA

Alterar tamanho de letra
  Vítor Constâncio, governador do Banco de Portugal,  reafirmou ontem que a crise financeira global afecta negativamente as perspectivas sobre o sistema financeiro português e a economia portuguesa.Vítor Constâncio, governador do Banco de Portugal, reafirmou ontem que a crise financeira global afecta “negativamente as perspectivas sobre o sistema financeiro português e a economia portuguesa”.
20 Maio 2009 - 00h30

Crédito: Relatório do Banco de Portugal sobre estabilidade financeira

Calotes à Banca disparam 36%

Os calotes à Banca atingiram, no final de 2008, os 6,7 mil milhões de euros , o que representa um crescimento de 36 por cento face ao ano anterior. E a expectativa para este ano é ainda mais grave, prevendo-se inclusive um acréscimo superior ao registado em 2008, que poderá atingir os dez por cento no caso das empresas, admite o Banco de Portugal (BdP).

O indicador do crédito malparado revela a gravidade com que a crise económica está a atingir Portugal, um país 'em que o endividamento dos particulares continua a ser um dos mais elevados na Zona Euro', segundo o quadro traçado pelo BdP, que espera 'um aumento significativo do incumprimento no crédito ao sector privado não-financeiro'. Segundo o BdP, em 2008 o endividamento dos particulares atingiu 135 por cento do rendimento disponível, o que em termos de PIB representa 96 por cento da riqueza nacional daquele ano.

A previsão do BdP baseia-se, por um lado, no 'expectável aumento do desemprego', que contribuirá para a subida do crédito malparado nos particulares, e, por outro, 'a actual conjuntura, aliada à elevada ciclicidade de alguns sectores da economia, torna expectável um aumento das taxas de incumprimento [das empresas]'. No sector empresarial, 'o valor projectado para a probabilidade de incumprimento em 2009 corresponde a um aumento de cerca de dez por cento face a 2008', frisa o relatório sobre a Estabilidade do Sistema Financeiro. Apesar das previsões negativas sobre o incumprimento no crédito, a situação deverá ser contida pelo facto 'de grande parte dos empréstimos a particulares ser para aquisição de habitação própria e ter associadas taxas de juro variáveis'.

FRASES

'Aproximadamente 36% dos empréstimos [para compra de casa] foram concedidos por um período entre quarenta a cinquenta anos.'

'O expectável aumento do desemprego contribuirá para a subida do incumprimento do crédito a particulares.'

'A menor dimensão desta instituição [BPP] e a especificidade da sua área de negócio implicavam um pequeno impacto sistémico.'

'Os bancos portugueses têm conseguido acomodar a crise financeira.'

VíTOR CONSTÂNCIO

PARTICULARES COM MAIS IMPOSTOS

Os bancos pagaram à Direcção--Geral de Contribuições e Impostos (DGCI) 607 milhões de euros em impostos sobre os lucros obtidos no exercício de 2008. Como os resultados antes de impostos ascenderam a 2,86 mil milhões de euros, a Banca acabou por pagar uma taxa média de IRC de 21,2 por cento, inferior à taxa média de IRS paga por muitos trabalhadores dependentes.

Por causa do impacto da crise financeira, agravado a partir de meados de Setembro do ano passado, a Banca apresentou resultados muito inferiores aos obtidos em 2007: nesse ano os resultados antes de impostos ascenderam a 4,63 mil milhões de euros; no ano passado caíram 39 por cento, por causa das desvalorizações causadas pela crise financeira.

Em 2007 a Banca pagou ainda menos em IRC: a taxa média foi de cerca de 17 por cento. Muitos trabalhadores dependentes pagam actualmente mais de 25 por cento de taxa de IRS.

INVESTIR MENOS EM TÍTULOS

Em 2008 os bancos portugueses reduziram em 15 por cento o investimento em aplicações financeiras para assim diminuírem o impacto da crise financeira nos seus activos.

'A maior redução de valor verificou-se na carteira de activos financeiros ao justo valor através de resultados', diz o relatório do BdP. O documento precisa que alguns grupos bancários venderam participações em empresas e noutros grupos bancários. E deste modo conseguiram atenuar o impacto da desvalorização de outros activos.

NÚMEROS

45%

Cerca de 45 por cento do montante emitido em obrigações até Abril pelos bancos portugueses corresponde a emissões com garantia do Estado, revelou ontem o Banco de Portugal.

101 M

Os números mostram que em 2008 os bancos portugueses gastaram mais 101 milhões de euros com os trabalhadores do que no ano anterior. No total, os custos com pessoal chegaram aos 4,013 mil milhões.

75%

Segundo os dados estatísticos do Banco de Portugal ontem revelados, 75% do endividamento dos portugueses 'corresponde a crédito bancário concedido para a aquisição de habitação'.

NOTAS

RISCO: BPN AFECTARIA BANCA

O BdP considera que a falência de BPN 'poderia ter algum impacto sistémico', apesar da sua reduzida dimensão. Já a eventual falência do BPP implicava um pequeno impacto no sistema

MEIOS: CLIENTES FINANCIAM

Os recursos de clientes e outros empréstimos foram, segundo o BdP, as principais fontes de financiamento da actividade bancária em Portugal, com uma taxa próxima de 12 por cento

GRUPO: REGULAR SALÁRIOS 

O Conselho Nacional de Supervisores Financeiros vai criar um grupo de trabalho para conceber uma proposta de melhoria da regulação para as remunerações praticadas na Banca

Raquel Oliveira / A.S.A.
publicado por luzdequeijas às 12:18
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. O CONCEITO DE SERVIÇO PÚB...

. MUDAR SÓ POR MUDAR.

. CENTRO DE DIA DE QUEIJAS

. ALMOÇO MUITO INDIGESTO

. FUMO BRANCO E NEGRO

. ENDIVIDAMENTO PÚBLICO E P...

. A POLÍTICA COR-DE -ROSA

. OS QUATRO IMPÉRIOS

. O ASSOCIATIVISMO

. DOUTOR DA MULA RUÇA

. A CLASSE MAIS CASTIGADA

. AS VITIMAS DA CIGARRA

. O NOSSO ENTARDECER

. A SACRALIDADE DA PESSOA H...

. SABER TUDO ACERCA DE NADA

. A NOSSA FORCA

. A MORTE ECONÓMICA

. GERAÇÃO DE OURO

. OS TEMPOS ESTÃO A MUDAR

. SEDES DE RENOVAÇÂO “

. 200 000

. DO PÂNTANO A SÓCRATES

. O ESTADO PATRÃO

. A MENTIRA

. O SILÊNCIO DOS BONS

. ARMAR AO PINGARELHO

. ENSINO À DISTÂNCIA

. A CIÊNCIA DO BEIJO

. A VERDADE PODE SER DOLORO...

. COSTA V.S MERKEL

. PROTEGER O FUTURO

. RIQUEZA LINCUÍSTICA

. A MÃO NO SACO

. DOUTRINA SOCIAL CRISTÃ

. GRANDE SOFRIMENTO

. IMAGINEM

. LIBERDADE COM SEGURANÇA

. COSTA CANDIDATO

. DEBATES PARTIDÁRIOS NA TV

. NA PÁTRIA DO ÓDIO

. PORTUGAL, UM PAÍS DO ABSU...

. NÓS, NÃO “PODEMOS”

. CIVILIZAÇÃO Pré-histórica...

. AS REGRAS DA VIDA REAL

. UMA SAUDÁVEL "LOUCURA"

. UMA SOCIEDADE SEM "EXTRAV...

. O MUNDO DOS ANIMAIS

. A CRISE NO OCIDENTE

. O POVOADO PRÉ-HISTÓRICO D...

. AS INTRIGAS NO BURGO (Vil...

.arquivos

. Fevereiro 2018

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.favorito

. COSTA V.S MERKEL

. MANHOSICES COM POLVO, POT...

. " Tragédia Indescritível"

. Sejamos Gratos

. OS NOSSOS IDOSOS

. CRISTO NO SOFRIMENTO

. NOTA PRÉVIA DE UM LIVRO Q...

. SEMPRE A PIOR

. MEDINDO RIQUEZAS

. A LÁGRIMA FÁCIL

.mais sobre mim

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub