Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2013

PARECE NÃO HAVER ACASOS

Um “acaso” parece existir de forma fortuita, no fundo, haverá sempre uma boa ou má razão que o faz aparecer. Falar de “Grândola vila morena” neste momento já enjoa, mas vale a pena transcrever um comentário publicado hoje num jornal diário:

Formigas, cigarras e “Grândola”

“Não foram os milhões de formigas trabalhadoras que entoaram a “Grândola, Vila Morena” como forma de protesto, mas sim meia dúzia de indolentes cigarras que tentam disfarçar com ações antidemocráticas a frustração que as atormenta de nunca poderem vir a ser governo, usando conceitos ultrapassados que ninguém, senão elas, aceitará.

Rodrigo Salgueiro, V.R.S. António

Esta alegoria está muito bem conseguida. É notório que as formigas são o povo e as “indolentes cigarras” os agitadores da extrema-esquerda. Contudo, estes fenómenos da Grândola e milhares de outros idênticos, são sempre despoletados pela comunicação social, por que à falta de coragem, saber e verticalidade põem o país alienado com intuitos, no mínimo, muito estranhos.

Em pano de fundo há um claro aproveitamento da triste situação em que o nosso país mergulhou e, com ele, um povo bom que merecia outro destino. A canção em causa, muito tem que ver com a libertação de um povo “oprimido” por um regime autoritário. Os “libertadores”, depois dos foguetes atiraram este país e este povo, para uma nova ditadura com saneamentos selvagens por todos os cantos, ocupações ilegais, despejando na rua um colossal pecúlio granjeado pelos “ditadores”, como se o amanhã não fosse outro dia. Já a vivermos em democracia os partidos foram permitindo ser invadidos por gente “impreparada” de todas as maneiras e, em quatro dezenas de anos, nem o ouro escapou. Hoje, sem economia e um Estado que tudo esbanja e acossado por uma globalização, a fazer aparecer vários países emergentes altamente competitivos. Agora, Portugal só empobrecendo conseguerá erguer uma economia competitiva. Este caminho foi traçado por quem nos entregou à “TROIKA” e o atual governo, pouco ou nada pode fazer perante um destino traçado a “régua e esquadro”. É isto que a nossa comunicação social deveria explicar aos portugueses, mas não, é muito mais fácil arranjar “histórias da carochinha” do que arranjar inimigos por dizer a verdade “nua e crua”. Pobre Portugal e  pobres os portugueses, que tão mal-avisados  estão contra os efeitos devastadores das greves e da agitação de rua, mesmo que seja a cantar a “Grândola, Vila Morena. 

publicado por luzdequeijas às 17:01
link | comentar | favorito

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. O CONCEITO DE SERVIÇO PÚB...

. MUDAR SÓ POR MUDAR.

. CENTRO DE DIA DE QUEIJAS

. ALMOÇO MUITO INDIGESTO

. FUMO BRANCO E NEGRO

. ENDIVIDAMENTO PÚBLICO E P...

. A POLÍTICA COR-DE -ROSA

. OS QUATRO IMPÉRIOS

. O ASSOCIATIVISMO

. DOUTOR DA MULA RUÇA

. A CLASSE MAIS CASTIGADA

. AS VITIMAS DA CIGARRA

. O NOSSO ENTARDECER

. A SACRALIDADE DA PESSOA H...

. SABER TUDO ACERCA DE NADA

. A NOSSA FORCA

. A MORTE ECONÓMICA

. GERAÇÃO DE OURO

. OS TEMPOS ESTÃO A MUDAR

. SEDES DE RENOVAÇÂO “

. 200 000

. DO PÂNTANO A SÓCRATES

. O ESTADO PATRÃO

. A MENTIRA

. O SILÊNCIO DOS BONS

. ARMAR AO PINGARELHO

. ENSINO À DISTÂNCIA

. A CIÊNCIA DO BEIJO

. A VERDADE PODE SER DOLORO...

. COSTA V.S MERKEL

. PROTEGER O FUTURO

. RIQUEZA LINCUÍSTICA

. A MÃO NO SACO

. DOUTRINA SOCIAL CRISTÃ

. GRANDE SOFRIMENTO

. IMAGINEM

. LIBERDADE COM SEGURANÇA

. COSTA CANDIDATO

. DEBATES PARTIDÁRIOS NA TV

. NA PÁTRIA DO ÓDIO

. PORTUGAL, UM PAÍS DO ABSU...

. NÓS, NÃO “PODEMOS”

. CIVILIZAÇÃO Pré-histórica...

. AS REGRAS DA VIDA REAL

. UMA SAUDÁVEL "LOUCURA"

. UMA SOCIEDADE SEM "EXTRAV...

. O MUNDO DOS ANIMAIS

. A CRISE NO OCIDENTE

. O POVOADO PRÉ-HISTÓRICO D...

. AS INTRIGAS NO BURGO (Vil...

.arquivos

. Fevereiro 2018

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.favorito

. COSTA V.S MERKEL

. MANHOSICES COM POLVO, POT...

. " Tragédia Indescritível"

. Sejamos Gratos

. OS NOSSOS IDOSOS

. CRISTO NO SOFRIMENTO

. NOTA PRÉVIA DE UM LIVRO Q...

. SEMPRE A PIOR

. MEDINDO RIQUEZAS

. A LÁGRIMA FÁCIL

.mais sobre mim

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub